170 ANOS FORMANDO MÚSICOS DE EXCELÊNCIA

Concertos UFRJ: Música de Câmara

0
0
0
s2sdefault

 

podcast

Ouça aqui o programa: 

Toda segunda-feira, às 22h, tem "Concertos UFRJ" na Roquette Pinto FM. Sintonize 94,1 ou acompanhe pela internet!

Programas anteriores podem ser encontrados na seção Concertos UFRJ.

A música de câmara, um dos gêneros mais complexos e que exige enorme destreza dos instrumentistas foi novamente assunto de Concertos UFRJ na edição do dia 23 de maio.. Parceria da Escola de Música com a rádio Roquette Pinto, a série conta com a produção e apresentação de André Cardoso, docente da EM, e vai ao ar toda segunda-feira, às 22h, pela emissora, na sintonia 94,1 FM.

 

Ao longo do tempo alguns agrupamentos camerísticos se consolidaram como padrão. E caso dos trios, quartetos e quintetos de cordas com ou sem piano, os quartetos e quintetos de sopros com ou sem piano. Há ainda os conjuntos mistos nos quais se acrescenta ou substitui um dos instrumentos de cordas por outro de sopro, como os quartetos com flauta, ou oboé ou quintetos com clarineta. O programa destaca como primeira obra um conjunto até certo ponto inusitado: o Trio em Mi bemol K 498 de Mozart no qual se juntam ao piano uma clarineta e uma viola. Em três movimentos (Andante, Minueto e Rondó Allegretto), está peça é também conhecida como “trio boliche”, pois, segundo uma anedota, que se supõe verídica, Mozart a teria composto entre uma partida ou outra deste jogo. A gravação apresentada reúne Stephen Kovacevich ao piano, Jack Brymer na clarineta e Patrick Ireland na viola.

 

Johannes Brahms, um dos maiores músicos do século XIX, é outro compositor que deixou uma maravilhosa produção no terreno da música de câmara. Seu belíssimo Quinteto (Allegro non troppo ma com brio, Grave e appasionato e Allegro enérgico) para cordas em fá maior op. 88 agrega ao tradicional quarteto de cordas uma segunda viola, o que dá ao conjunto uma sonoridade mais encorpada nos registros médios, bem característico da escrita do compositor. A gravação, a do Quarteto Amadeus com a participação de Cecil Aronowitz na segunda viola.

 

Por fim, a última peça do programa foi Fronteiras composta em 1999 pelo compositor carioca Ronaldo Miranda - ex-aluno e professor da Escola de Música da UFRJ. A interpretação, do Quinteto Villa-Lobos formado por Antonio Carrasqueira na flauta, Luiz Carlos Justi no oboé, Paulo Sérgio Santos na clarineta, Aloysio Fagerlande no fagote e Philip Doyle na trompa. 

 

As edições do programa Concertos UFRJ podem ser acompanhadas on line ou por meio do podcast (áudio sob demanda) da Roquette Pinto (FM 94,1). Contatos através do endereço eletrônico: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Programação de Maio

 

Programa 39 – Dia 02 de Maio – Especial com o violonista Jorge Caballero (gravação ao vivo do concerto realizado no Salão Leopoldo Miguez em 12 de dezembro de 2010)

 

Programa 40 – Dia 9 de maio – Don Quixote na música (obras de Boismortier, Telemann, Massenet e Ravel)


Programa 41 – Dia 16 de maio – Grandes mestres da EM: obras do compositor Henrique Oswald (1852-1931) 

 

Programa 42 – Dia 23 de maio – Música de câmara 2: obras de câmara para diferentes formações

 

Programa 43  – Dia 23 de maio – Ópera "Gianni Schicchi" de Puccini 

 

Correspondência

Escola de Música da UFRJ
Edifício Ventura Corporate Towers
Av. República do Chile, 330
21o andar, Torre Leste
Centro - Rio de Janeiro, RJ
CEP: 20.031-170

+55 21 2532-4649
gabinete@musica.ufrj.br

Redes sociais