170 ANOS FORMANDO MÚSICOS DE EXCELÊNCIA

Editora UFRJ lança livro sobre música

0
0
0
s2sdefault

Matéria publicada no Portal da UFRJ (12/12/2013) sobre lançamento de livro do professor Carlos Almada.

 

Editora UFRJ
Editora UFRJ lança livro sobre música
ASSESSORIA DE IMPRENSA - GABINETE DO REITOR
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Contraponto em música popular: fundamentação teórica e aplicações composicionais, do professor Carlos Almada, é o próximo livro a ser lançado pela Editora UFRJ. O evento acontecerá no dia 17 de dezembro, às 19 horas, na Escola de Música, R. do Passeio, 98, Centro.

 

O livro, que faz parte da série Didáticos, completa uma trilogia dedicada à formação teórica básica e necessária para o arranjador (e/ou compositor) de música popular. Dando sequência aos títulos Arranjo (2001) e Harmonia funcional (2009), a obra pretende preencher uma lacuna considerável: a inexistência de textos sobre uma técnica voltada para as características específicas e peculiares da música popular.

 

A estrutura do livro compreende cinco capítulos, com grande quantidade de exemplos e exercícios para facilitar a compreensão do leitor. No primeiro, o autor faz um breve painel histórico sobre a prática e a teoria do contraponto tradicional, de modo a fornecer ao leitor uma perspectiva das diversas mudanças ocorridas em relação a tal disciplina no pensamento e na criação musical do Ocidente no decorrer dos séculos. No segundo é feita uma revisão sucinta dos princípios do contraponto tonal estrito, estabelecidos pelo compositor e teórico austríaco Johann Joseph Fux (1660-1741) no tratado Gradus ad Parnassum (1725), que servem de base para o estabelecimento dos princípios específicos do contraponto em música popular. O terceiro capítulo apresenta os princípios de um contraponto "prático", ao lado de algumas das principais técnicas composicionais (imitação, modulação, cânone e contraponto invertível) e formas polifônicas praticadas no período barroco (suíte, invenção, prelúdio coral, passacalha, chacona e, especialmente, fuga). O quarto e principal capítulo do livro propõe princípios específicos para uma teoria contrapontística adaptada à música popular. Tais princípios são elaborados da maneira mais abstrata e generalizante possível, com a intenção de abranger as inúmeras variantes de gêneros existentes. O quinto e último capítulo relaciona as aplicações práticas dos princípios teóricos introduzidas no capítulo anterior, abrangendo um representativo e variado painel de gêneros populares e instrumentações, com destaque especial ao tratamento rítmico na polifonia.

 

Carlos Almada é professor da UFRJ, compositor e arranjador, com atuação na música popular, tendo realizado trabalhos para diversos cantores e grupos musicais como Fernanda Abreu (Raio X), Maria Eugênia (Pindorama), Cláudio Lins (Cláudio Lins, Vol.I), Tio Samba (Quero ver) Tereza Pineschi (O teu grammophone é bão), Fred Martins (Janelas) e Tio Samba (É batata!).

 

Contraponto em música popular: fundamentação teórica e aplicações composicionais
Carlos Almada
222 páginas; R$ 40,00 ; 17x24cm
ISBN 978-85-7108-374-5
2013

 

Lançamento: 17 de dezembro, às 19h, na Escola de Música da UFRJ, Rua do Passeio, 98, Centro, Rio de Janeiro, RJ.
Assessoria de Imprensa:
Maria do Socorro Moura – Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Tels. 2542-7646 / 9296-6806

Correspondência

Escola de Música da UFRJ
Edifício Ventura Corporate Towers
Av. República do Chile, 330
21o andar, Torre Leste
Centro - Rio de Janeiro, RJ
CEP: 20.031-170

+55 21 2532-4649
gabinete@musica.ufrj.br

Redes sociais